segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

BOMBA - Depois da derrota Gama dispensa dois

Autor: Marcelo | segunda-feira, 31 de janeiro de 2011 | Categoria: | 7 comentários

As vesperas de mais um jogo decisivo no candangao, o site oficial do Gama divulgou no fim da tarde de hoje a dispensa de dois jogadores.

O primeiro degolado e o meia Camilo. Contratado com status de craque, o jogador nao mostrou a que veio e ultimamente vinha frequentando o banco de reservas.

O segundo jogador a ser dispensado foi de certa forma uma surpresa, ja que foi titular no jogo passado. Trata-se do volante Marcio Tinga. Tinga jogou mal na partida passada diante do Formosa e por vezes abandonou a marcaçao para apoiar o ataque.

Segundo a nota, as dispensas foram decididas pela comissao tecnica. Ambos os jogadores marcaram um gol cada. Camilo bateu o penalty que deu a vitoria ao alviverde diante da Anapolina em amistoso. Ja tinga marcou o primeiro tento da goleada por 4 a zero contra o CFZ.

Torcida se movimenta a favor do protesto

Autor: Sérgio Vinícius | | Categoria: | 11 comentários

Pai de família que quiser levar ao estádio esposa e três filhos sem carteirinha
terá que desembolsar R$100,00 em uma única partida.
Foto: google imagens


Da lagoa feia ao estádio da cidade de Formosa/GO, o que se via na tarde do último domingo (30) eram vários gamenses animados antes da partida em que o alviverde saiu derrotado  para a equipe local por 3 a 1. Mesmo com a animação típica de caravanas em viagens da torcida gamense, o assunto da maioria das rodas de conversa era o preço dos ingressos praticados no estádio Bezerrão em jogos que o Gama é o mandante.

Os torcedores consideram alto e "fora da realidade" dos gamenses o valor de R$20,00 cobrado para assistir o que o presidente do Gama, Paulo Goyaz, já chegou a chamar de "espetáculo". Antes de começar o campeonato brasiliense de 2011 os preços definidos pela diretoria eram de 20 reais a inteira das arquibancadas Sul e Leste; 30 reais a inteira das arquibancadas oeste e norte e 40 reais a inteira para acesso às cadeiras. Visto que os valores acima de 20 reais feriam o regulamento da competição. A torcida se mobilizou e denunciou o próprio time à federação de Brasília. A denúncia fez efeito e a diretoria do Gama foi notificada, sendo obrigados a abaixar os preços dos ingresso. Assim, todos os ingressos passaram a ter o preço único de R$20,00 a inteira.

Essa manobra é mais um dos assuntos que não saem das rodas de torcedores. Ainda indignados com os preços e acusando os diretores do Gama de quererem "forçar" a torcida a aderir o plano sócio torcedor, a Torcida Organizada Ira Jovem arquitetou um protesto para a próxima partida do Gama em casa dia 02/02 onde o Gama enfrenta o Brasília às 20h30. O objetivo é fazer com que o menor número possível de pessoas acessem o estádio Bezerrão. Segundo diretores da torcida, um carro de som foi contrato para rodar na cidade do Gama pedindo para que os torcedores fossem ao estádio mas que permaneçam na parte de fora e não paguem ingresso.

Ontem (30) no Diogão, a maior parte dos torcedores que o BloGama fez contato dizia ser a favor do protesto e que não adentraria ao Bezerrão. Agora, após a derrota por 3 a 1 para o Formosa/GO e uma atuação pífia do time gamense, a adesão demonstra ser maior ainda. Alguns torcedores comentam que não se darão ao trabalho nem de sair de casa.


Divergências?
Com toda a polêmica dos preços dos ingressos onde até o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, julgou alto o valor cobrado para assistir a uma partida do Gama, dizem existir uma divergência na diretoria do Gama. Segundo alguns boatos, o vice-presidente Carlos Macedo seria a favor de abaixar o preço dos ingressos mas, o presidente do alviverde, Paulo Goyaz, bateu o pé e iria manter os atuais valores.







TV BLOGAMA - Gols e melhores momentos da partida

Autor: Marcelo | | Categoria: | 2 comentários


Como de praxe, o BLOGAMA apresenta aos internautas os gols e melhores momentos da primeira derrota do Gama em 2011 diante do Formosa.



domingo, 30 de janeiro de 2011

Formosa 3x1 Gama - Lanterna "tira o selinho" do periquito

Autor: Marcelo | domingo, 30 de janeiro de 2011 | Categoria: | 22 comentários

O Gama não conseguiu passar pelo ex-lanterna no estádio Diogão em Formosa/GO.
Foto: Sérgio Vinícius (BloGama.com.br)



Nao deu para o Gama. Depois de fazer uma ótima apresentação diante do Botafogo na rodada passada, o alviverde perdeu a invencibilidade ao sofrer a derrota para o até então lanterna Formosa no estádio Diogão.

Com um bom público presente, o Formosa comemorou o resultado como se fosse uma decisão de campeonato. Para o alviverde o tropeço ligou o sinal de alerta para a próxima partida, já que a diferença do alviverde para o lanterna da competição é de apenas três pontos.



APAGÃO DE NOVO!!!
O Formosa entrou em campo de branco com sua escalação tradicional. O técnico Auecione Alves fez apenas uma alteração: Kempes foi para o time titular no lugar de Nelito para fazer dupla de ataque com Rodrigo Ayres. Já o técnico gamense Heriberto do Cunha entrou algumas alterações. Lesionado, o volante Éverton foi vetado para a partida e assim o time do Gama aparentava ser mais ofensivo com dois volantes (Márcio Tinga e Éderson) e dois meias (Elivelto e Tallys).

O juiz apitou o início do jogo e assim como no jogo passado o Gama entrou dormindo em campo. No primeiro minuto de jogo Baiano tocou para Luiz Carlos na meia lua disparar uma bomba de esquerda no ângulo de Vizotto. Era o primeiro gol do Formosa na partida. 1x0 Formosa.

O técnico Heriberto da Cunha à beira do gramado não conseguiu esconder sua indignação com o gol relâmpago do adversário. E mesmo à frente no placar o Formosa continuou em busca do segundo gol. Marco Aurélio cruzou na medida para Kempes cabecear firme para o gol, mas Vizotto estava atento e fez a defesa.

Logo notou-se que a ausência de Éverton prejudicou o sistema defensivo do Gama. Os dois volantes escalados por Heriberto não possuem a característica de marcação. Por diversas vezes os volantes Márcio tinga e Éderson largaram a defesa deixando na berlinda Pedrão e Da Silva. O fato de os laterais Alan e Kabrine não ajudarem o setor de defesa complicou bastante a zaga do Gama. E de quebra o meia Tallys que se destacou no jogo anterior foi figura nula dentro de campo.

Já o Formosa era pura empolgação. Empurrados por sua torcida o alviverde goiano que necessitava urgente da vitória para sair da zona de rebaixamento mostrou um futebol apenas razoável, mas muita com disposição. O meia Luiz Carlos foi o maestro do time que com sua boa movimentação infernizou a desguarnecida zaga alviverde.


O Gama só esboçou uma reação aos 11 minutos quando fez boa assistência para Fábio Silva de primeira concluir para boa defesa de André Luiz. Logo em seguida o atacante Rodrigo Ayres sentiu e foi substituído por Nelito.

Fábio Silva quase empatou quando Alan cruzou na medida para o atacante cabecear no pé da trave mas André Luiz defendeu. Fábio ainda teve mais uma oportunidade em novo cruzamento mas a bola parou na defesa do goleirão André Luiz.

Depois do Gama esboçar uma reação, o Formosa foi à luta. Primeiro Mattos arriscou do meio da rua e Vizotto teve muito trabalho para espalmar. Mas logo em seguida o Formosa ampliou. Tallys caiu em campo e pediu atendimento mas o árbitro Gildevan mandou seguir. Washington tocou para Nelito que da meia lua de novo chutou rasteiro no canto direito de Vizotto. 2x0 Formosa.

Tallys saiu então para a entrada do estreante Thiago Gaúcho. A partir daí o time da casa tratou de cadenciar o jogo e a torcida local ensaiou um "olé". A partida seguiu sem grandes emoções até o intervalo.



CRIME E CASTIGO
Na volta para o segundo tempo, o técnico Heriberto da Cunha fez uma substituição ousada. Tirou o volante Márcio Tinga e promoveu a entrada do baixinho Edicarlos alterando a formação tática da equipe para o 4-3-3. Já o técnico Auecione queria que o jogo terminasse logo para poder assimilar os primeiros três pontos da equipe sob seu comando.

Com três atacantes o Gama foi pra dentro do Formosa, mas esbarrava na boa marcação do time goiano. Aos 4 minutos Elivelton lançou Edicarlos em velocidade pela esquerda. O baixinho foi até a grande área e chutou por cima de André Luiz.

O Gama dominava a partida mas o domínio não se traduzia em oportunidades de gol. O Gama só assustou a meta de André Luiz aos 18. Kabrine cobrou falta com veneno, o efeito da bola enganou André Luiz que assistiu de camarote a bola bater na trave esquerda e passar por sobre a linha do gol. Ninguém do ataque gamense estava lá para escorar.

Aos 22 o atacante Kempes deu uma voadora no lateral direito Alan e foi corretamente expulso pelo árbitro Gildevan Lacerda. Com um a menos em campo Auecional Alves fechou o time ainda mais na defesa colocando o zagueiro Éder no lugar de Pedro Henrique. Heriberto então utilizou o famoso ditado "calça de veludo ou bumbum de fora". Tirou Kabrine e colcou Hugo passando a atuar com quatro atacantes.

O jogo então virou um treino ataque contra defesa. O Gama promoveu uma verdadeira "blitz" no campo de defesa do Formosa e tinha nos pés de Elivelto deslocado para a lateral esquerda as jogadas mais perigosas. E foi em uma dessas blitzes que o Gama diminuiu. Aos 27 Anderson aproveitou rebota da defesa e quase na linha de fundo tocou para trás. Na área estava Edicarlos que sob intensa marcação chutou cruzado e venceu a defesa. Formosa 2x1 Gama.

André Luiz provou que goleiro além de ter habilidade precisa de sorte. Aos 32 Alan cruzou na medida para Anderson Sheik no terceiro andar cabecear firme para o gol. O goleirão defendeu no reflexo.

O tempo foi passando e mesmo no campo de defesa do adversário o alviverde não conseguiu criar chances de gol. Aos 47 veio o castigo. Em bola despretensiosa, o volante Verona recebeu em cobrança de falta, passou por três marcadores e chutou fraquinho, mas Vizotto aceitou. 3x1 para o Formosa e fim de jogo.

Com o resultado o alviverde caiu para a quarta posição da tabela com seis pontos, mesmo número do Formosa e Botafogo porém com melhor saldo de gols. Na próxima quarta feira o alviverde goiano encara o desesperado CFZ às 16:00 no estádio Bezerrão. Mais tarde às 20:30 no mesmo estádio, o alviverde candango encara o ascendente Brasília.

RESULTADOS
- Botafogo 1x1 Ceilândia*
- Brasília 3x1 CFZ*
- Formosa 3x1 Gama
- Brasiliense 4x0 Ceilandense

*Jogos realizados no sábado

FICHA TÉCNICA
Formosa 3 x 1 Gama

Local: Estádio Diogão em Formosa-GO
Árbitro: Gildevan Lacerda
Assistentes: César Augusto e Edvaldo Freire
Público: 2.030 pagantes
Renda: R$ 10.150,00
Cartões Amarelos: Luan, Washington e Baiano(Formosa);Pedrão (Gama)
Cartões Vermelhos: Kempes (Formosa)

Formosa
André Luiz; Marco Aurélio, Eraldo, Luan e Pedro Henrique(Éder); Mattos(Verona); Washington, Baiano e Luiz Carlos; Rodrigo Ayres(Nelito) e Kempes;
Técnico: Auecione Alves

Gama
Fernando Vizotto: Alan, Da Silva, Pedrão e Kabrine(Hugo); Márcio Tinga(Edicarlos), Éderson, Elivelto e Tallys(Thiago Gaúcho); Fábio Silva e Anderson Sheik.
Técnico: Heriberto da Cunha.

sábado, 29 de janeiro de 2011

Release das Categorias de Base

Autor: Marcelo | sábado, 29 de janeiro de 2011 | Categoria: | 25 comentários


Após a participação na Copa Sulamericana em Rolândia, a diretoria da FUNFA juntamente com a comissão técnica e os coordenadores dos núcleos se reunirão nesta segunda-feira para definirem o calendário de atividades das categorias de base. A seguir apresentamos o resumo das atividades das categorias de base que faz um balanço do trabalho realizado.

BASE ALVIVERDE INICIA TEMPORADA 2011 (por Enock Lopes)

A S.E GAMA, categoria de base, findou o ano de 2010, com um balanço excelente nos trabalhos realizados, comemorando os resultados positivos colhidos nos campeonatos locais e estaduais e a revelação de atletas, que honraram e valorizaram os investimentos feitos pelo Projeto FUNFA (Fundo Nacional de Formação de Atletas) na comissão técnica e jogadores que participaram dos seguintes campeonatos:

- COPA SANTIAGO JUVENIL - Janeiro de 2010
Em Santiago, a equipe alviverde conquistou o título de VICE-CAMPEÃ. O Treinador ENOCK LOPES foi eleito o melhor técnico do campeonato, o jogador FORMIGA destaque, PAULO o melhor goleiro e a EQUIPE DO GAMA escolhida como a mais disciplinada. Chegaram para a disputa sem grandes expectativas dos times adversários e da imprensa local que fazia a cobertura e o que seria uma simples participação, culminou com os títulos e outras revelações, onde a base do Gama e o Projeto FUNFA puderam mostrar nacionalmente o trabalho que vem sendo desenvolvido no futebol do Distrito Federal.

- COPA AGAP - Março de 2010
Nesta copa participaram as seguintes equipes: Juniores 92, Juvenil 93/94 e Infantil 95/96.
As equipes juvenil e infantil chegaram as quartas de final cumprindo o objetivo que era de reformular os elencos.
A categoria sub 18 se sagrou CAMPEÃ, conquistando seu segundo título no ano, usando na primeira fase jogadores em observação, que depois se somaram à base que disputou a Copa Santiago.

- CAMPEONATO BRASILIENSE DE JUNIORES - Maio de 2010
A prioridade do departamento de base do Gama é a utilização de atletas sub 18, visando à participação na Copa São Paulo. Mas a federação brasiliense ainda não se adequou às demais federações brasileiras que diminuíram suas idades e a competição local foi disputada por atletas sub 20, diferentemente da equipe alviverde.

Essa fórmula de disputa que foge dos padrões nacionais foi muito questionada junto à Federação, pelo Diretor de base, ALBERTO CARLOS MOHAMAD que se manteve opositor a esse modelo, pois atrapalhou toda a programação elaborada pelo Departamento de Base que é a de promover atletas. Muitos na faixa de 19 e 20 anos de idade já estão no profissional. Aqui a equipe chegou até as quartas de final.

- XX COPA SULAMERICANA DE CATALÃO - Julho de 2010
Participando pela primeira vez desta competição, a S.E GAMA conquistou dois títulos: Nas categorias 94/95 foi CAMPEÃ e nas categorias 92/93 VICE-CAMPEÃ, deixando o nome Gama destacado em mais uma competição nacional.

- CAMPEONATO BRASILIENSE JUVENIL - Agosto de 2010
O Gama disputou este campeonato com duas equipes na categoria juvenil e uma no infantil. A 93 participou com a sigla da S.E GAMA e a 94 foi denominada DF FC.
As duas equipes disputaram a final em um jogo bastante concorrido, ficando a S.E GAMA com o título de CAMPEÃ, com um saldo de 59 gols marcados e o DF FC com o título de VICE-CAMPEÃO, mostrando mais uma vez a força das categorias de base do Gama.

Os artilheiros gamense foram: GILVAN com 13, DARLAN com 11, e MAILON com 9 gols, sendo que GILVAN também foi o artilheiro da competição. A defesa menos vazada, apenas 9 gols sofridos na competição, foi a da equipe alviverde e PEDRO ALVES foi eleito o goleiro menos vazado.

- SC CUP - SUB 16 - Dezembro de 2010
Em Santa Catarina a equipe contou com vários contratempos e não teve uma participação expressiva, relata Enock Lopes: “Mas a experiência foi válida. Pudemos ver e sentir de perto que as categorias de base do Gama estão ao nível da competição”.


-ATLETAS REVELADOS AO PROFISSIONAL
Jovens entre 16 e 20 anos da categoria de base, Projeto FUNFA, que se destacaram durante o ano estarão treinando com o time profissional do Gama. LEO, PEREIRA E PEDRO (goleiros); ALEXANDRE (lateral esquerdo); WALLACE (volante); ELIVELTO, JOTA E EDUARDO (meias); HUGO E LUCAS SILVA (atacantes). Demais jogadores serão observados pelo treinador do profissional, Heriberto da Cunha, que desde sua chegada vem promovendo atletas com muita propriedade.


A tônica desse grupo vencedor é competência, organização, disciplina, garra, perseverança e seriedade, aliados ao investimento na qualidade dos jogadores, comissão técnica, supervisão e diretoria.

“Na preparação física tivemos um grande êxito, os atletas disputaram as competições praticamente sem lesões, a não ser por trauma que é inevitável no futebol”, justifica ROBSON LUIZ, que desenvolveu um excelente trabalho em seu primeiro ano no Gama. RIBAMAR LEANDRO, supervisor e PEDRO COSTA, responsável pela captação de jogadores, aplicaram a filosofia de trabalho que contribuiu para as conquistas.

Durante o ano as equipes chegaram a oito decisões e foram campeãs em quatro. Ribamar destaca que com a vinda do Pedro, que trouxe reforços de outros estados e de Brasília, a base ficou ainda mais fortalecida, gerando o resultado inédito, de duas equipes juvenis do mesmo time, a 93, liderada por ENOCK LOPES e 94 por GABRIEL MAGALHÃES, chegarem juntas à decisão do maior campeonato Brasiliense da categoria.

O treinador ENOCK LOPES fez a seguinte afirmação: “Eu valorizei cada competição que participamos. Agradeço o apoio da minha família, ao Betinho que me deu a oportunidade de comandar as equipes e a Deus que coroou de êxito o meu trabalho e de todo o grupo”. Vale destacar a grande referência profissional e experiência que GILVAN RODRIGUES, conhecido como AZUL, massagista, repassa a todo o grupo por fazer parte da história do Gama.

Pela preparação de goleiros passaram vários profissionais como WILLIAN STEIN, mas no segundo semestre foi desenvolvida pelo jovem promissor, YVISSON RODRIGUES, 20 anos, que também está se destacando pela atuação frente à formação de goleiros e foi escolhido para acompanhar a delegação do Clube Santa Maria, na viagem a São Paulo, como preparador de goleiro.

A S.E GAMA esteve presente na COPA SÃO PAULO JUNIOR 2011, através de atletas emprestados ao Clube Santa Maria. São eles: PEREIRA (goleiro); DUDU E LELEU (laterais); DEDE E WEDER (zagueiros); IAGO E WALACE (volantes); PABLO E JUNINHO (meias); KELVEN E JEFERSON (atacantes).

ALBERTO CARLOS MOHAMAD, o BETINHO, acredita que este ano novos talentos serão revelados pelo Departamento das categorias de Base nas competições local e nacional. E assim 2011 começa promissor!

Duelo de alviverdes no Diogão

Autor: Marcelo | | Categoria: | 4 comentários


Amanhã em Formosa duas equipes estão vindo de empates e precisam se recuperar na tabela. Serão duas equipes alviverdes que duelarão em campo.

AMARGA LANTERNA
O mandante Formosa Esporte é o atual lanterna da competição com três pontos conquistados em três empates. Apesar de ser derrotado apenas uma única vez no campeonato (derrota por 1x0 para o Brasília com gol marcado aos 46 do segundo tempo) a pressão sobre o técnico Auecione Alves é grande pela primeira vitória. Até mesmo um novo empate diante do Gama amanhã deverá ser o suficente para que o novato técnico perca o emprego.

Para sair do buraco e evitar o precoce rebaixamento assim como em 2000, o técnico conta com o estádio Diogão para fazer com que o alviverde goiano reencontre o caminho das vitórias. Dentro do alçapão, o Formosa não sabe o que é perder há mais de três anos. Dentro de campo Auecione terá todos os jogadores à sua disposição.

Nos trabalhos de ontem, o técnico deu uma dura no elenco e pediu mais garra e disposição para vencer o visitante Gama. O provável Formosa de amanhã deverá ser este: André Luís; Marco Aurélio, Eraldo, Luan e Leandro Smith; Mattos, Washington, Baiano e Luiz Carlos; Rodrigo Ayres e Nelito(Kempes).

AINDA INVICTO
No Gama o clima é de otimismo. Após o espetacular empate fora de casa diante do Botafogo-DF onde por pouco não saiui com os três pontos, o Gama que é o único time invicto ao lado do Brasiliense tentará manter a boa fase. Uma eventual vitória do alviverde fora de casa pode colocar o Gama na liderança pela primeira vez neste ano.

O técnico Heriberto da Cunha recebeu nesta semana o importante reforço do volante Thiago Gaúcho. O jogador já está regularizado e como estava em atividade pode reestrear com a camisa alviverde neste domingo. Porém Heriberto não poderá contar com o zagueiro Rafael Pedro e o lateral esquerdo Cláudio ainda em recuperação de lesão. Além disso, o atacante Bachin também foi vetado pelo departamento médico e não joga diante do Formosa.

Apesar dos desfalques, o técnico tem sido feliz com o atual elenco. Com o esquema de três volantes, o meia Tallys ganhou liberdade no meio de campo para criar as jogadas e na frente o atacante Fábio Silva tem demonstrado ser capaz de comandar o ataque alviverde. A lateral esquerda deverá ficar com Kabrine novamente. O provável Gama de amanhã deverá ser este: Fernando Vizotto; Alan, Pedrão, Da Silva e Kabrine; Éverton, Márcio Tinga, Éderson(Thiago Gaúcho) e Tallys; Fábio Silva e Anderson Sheik.

Os ingressos serão vendidos nas bilheterias do estádio Diogão e custarão R$ 10,00 e interia e R$ 5,00 a meia em todos os setores.

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Volante retorna ao Gama

Autor: Sérgio Vinícius | sexta-feira, 28 de janeiro de 2011 | Categoria: | 7 comentários

Foto: gamagol.com.br


Foi divulgado no site oficial da Sociedade Esportiva do Gama  na manhã desta sexta-feira (28) que o volante Tiago Gaúcho retornou para compor o elenco dirigido por Heriberto da Cunha. O BloGama já havia informado uma possível volta do atleta.

Tiago Gaúcho é volante, tem 25 anos e fez parte da equipe do Gama em 2010 quando o alviverde foi rebaixado para a Série D nacional e retorna para o Gama após jogar três partidas do campeonato paulista. Tiago é mais um volante que chega ao alviverde e vai disputar vaga com Márcio Tinga, Éderson e com o atual capitão Éverton.

O jogador ainda depende da publicação do seu nome no Bid para estar apto a atuar pelo Gama na próxima partida contra o Formosa/GO no estádio Diogão.

RAIO - X: Formosa, o mandante imbatível

Autor: Marcelo | | Categoria: | 6 comentários


Em 1978, um time de futebol que mandava seus jogos em um campo atrás da Rodoviária de Formosa se profissionalizou para formar o Bosque Esporte Clube. O clube apesar de situar-se em terras goiana nunca disputou o Campeonato Estadual. Em 1998 o Bosque se filiou à Federação Metropolitana de Futebol do DF (atual FBF) para disputar a segunda divisão candanga.

O acesso só viria no ano seguinte quando em 1999 o clube alviverde sagrou-se campeão da segunda divisão candanga tendo conquistado o direito de disputar a primeira divisão no ano seguinte. Em 2000 o clube goiano estreou na categoria de elite do DF mas foi muito mal e acabou sendo rebaixado.

Após o rebaixamento o clube goiano atravessou uma grave crise financeira caindo logo depois para a terceira divisão. Depois disso foram longos dez anos de espera perambulando pelas divisões inferiores do campeonato candango. Em 2008 a equipe alterou seu nome para Formosa Esporte Clube para conseguir verba do município. A espera chegou ao fim ano passado quando a equipe alviverde sagrou-se vice-campeã da segunda divisão perdendo a final para o CFZ.

No final do ano passado o Formosa passou por eleições da diretoria que elegeu Zé Luís como presidente. Com a negativa do comandante Walter Lima que conquistou o acesso, a alternativa foi convocar Auecione Alves, ex-jogador de Brasiliense e diversos clubes de Brasília que pendurou as chuteiras e investiu na carreira de técnico de futebol à frente do Iporá-GO.

Com a base mantida do ano passado, o Formosa trouxe bons reforços para ajudar a equipe a se manter na primeira divisão candanga. Porém os resultados ainda não são animadores. Hoje na lanterna do candangão, o Formosa trouxe mais reforços conhecidos do futebol goiano como o meia atacante Kempes (ex-paraná e futebol coreano)e o lateral direito Leandro Smith (ex-Goiás). Mas o maior aliado do clube goiano é o estádio Diogão.

O Formosa ostenta uma estatística impressionante jogando em seus domínios. No estádio Diogão diante de sua torcida, o alviverde não perde uma partida há mais de três anos. Em 15 jogos foram 11 vitórias e 4 empates. Além disso o último gol sofrido foi no ano passado quando Chefe marcou o gol do CFZ na derrota por 2x1 na terceira rodada da segundona do ano passado. A última derrota em casa, acreditem, foi no dia 28 de outubro de 2007 pela segunda divisão candanga quando a equipe foi derrotada pelo Bandeirante-DF por 1x0 gol do volante Kaká.

O técnico Auecione Alves não deve ter problemas para escalar sua equipe diante do Gama. A única dívida reside sobre o comando do ataque. O técnico pode manter o ineficiente Nelito ou apostar na entrada de Kempes ainda longe da forma física ideal.

MAIS DO FORMOSA
NOME: Formosa Esporte Clube
MASCOTE: Não tem
ESTÁDIO: Diogão em Formosa com capacidade para 12.000 pessoas
DESTAQUES: Goleiro André Luis, lateral direito Leandro Smith e meia atacante Kempes
TIME-BASE: André Luís; Marco Aurélio, Eraldo, Luan e Leandro Smith; Mattos, Washington, Baiano e Luiz Carlos; Rodrigo Ayres e Nelito(Kempes).
TÉCNICO: Auecione Alves

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Esclarecimento: Acesso ao BloGama

Autor: Sérgio Vinícius | quinta-feira, 27 de janeiro de 2011 | Categoria: | 4 comentários


Informamos que temporariamente não é mais possível o acesso ao BloGama pelo link: www.blogama.net. 

Visando prestar um melhor serviço à toda torcida gamense estamos desenvolvendo um site. Deixaremos de utilizar o sistema Blogspot para utilizar um site de hospedagem própria. Portanto, o domínio supracitado está sendo usado para a construção deste novo portal.

Deixamos claro que o acesso pelos seguintes links: www.blogama.com.br e www.alviverdecandango.blogspot.com está normal.

Muito obrigado pela compreensão e pedimos desculpas pelo transtorno.

TV BLOGAMA - Gols e melhores momentos da partida

Autor: Marcelo | | Categoria: | 11 comentários


A seguir o BLOGAMA apresenta os melhores momentos da partida de hoje entre Botafogo x Gama no CAVE.


quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Botafogo 2x2 Gama - Os dois mereciam vencer

Autor: Marcelo | quarta-feira, 26 de janeiro de 2011 | Categoria: | 4 comentários

O centro-avante Anderson pouco antes de errar a cobrança de pênalti
que poderia dar a vitória ao alviverde.
Foto: Sérgio Vinícius (BloGama.com.br)


Sensacional. Esta foi a palavra perfeita para descrever como foi a partida entre Botafogo e Gama na noite desta quarta-feira. Apesar de possuírem motivos diferentes para saírem de campo com a vitória, Tanto o alvinegro quanto o alviverde proporcionaram um jogo franco, aberto, gostoso de se assistir e onde qualquer uma das equipes poderia ser a vencedora. É uma daquelas partidas que valem a pena ver de novo.

O jogo teve tudo para ser perfeito. O tempo estava bom, o gramado em perfeitas condições, um bom público presente e as duas torcidas incentivando suas equipes sem a mínima violência. A polícia ficou de braços cruzados já que não teve nenhum trabalho. Em campo, o Gama mostrou evolução tática em relação ao time do ano passado com Fábio Silva sendo o jogador mais perigoso do Gama. Do outro lado o Botafogo foi muito objetivo com arrancadas espetaculares do meia Adriano Felício e as boas jogadas de velocidade de Têty e Amaral.

Pra não dizer que foi perfeito, não havia no estádio nem nos arredores um comerciante sequer para vender refrigerantes e lanches.


GOL RELÂMPAGO
O Gama entrou em campo com a mesma formação do jogo passado diante do CFZ. Havia a expectativa de Bachin ser relacionado e de Éderson ser sacado do time por contusão, mas não houve mudanças de formação ou táticas. Já o Botafogo fez apenas uma alteração: o jovem Têty foi para o jogo no lugar do fanfarrão atacante Túlio Maravilha.

E o jogo começou a mil por hora. Mal o Botafogo deu a saída de bola e já fez o primeiro gol. Com 35 segundos de jogo o lateral esquerdo Rafinha recebeu passe pela esquerda, avançou para o meio de campo e tocou para Vanderlei dentro da grande área. O experiente atacante quis surpreender Vizotto e tocou por cobertura. A bola foi no travessão e no rebote Adriano Felício esperto no lance cabeceou para o gol com Vizotto batido no lance. 1x0 Botafogo.

O gol sofrido nos primeiros minutos assutou a equipe visitante e o Botafogo impôs seu ritmo de jogo. A equipe alvinegra adiantou a marcação e a equipe alviverde não teve tranquilidade para tocar passes em seu campo de defesa. O lateral direito Amaral ganhava todas as jogadas de velocidade de Kabrine enquanto na esquerda Rafinha aproveitava as subidas de Alan para cruzar bola na área.

O alviverde aos poucos se reencontrou em campo e conseguiu o empate aos oito minutos. Éderson tocou para Tallys que serviu Fábio Silva bem colocado pela esquerda. O atacante avançou e chutou cruzado sem chances para Mateus. 1x1.

O Gama nem teve muito tempo para comemorar porque dois minutos depois o Botafogo ampliou. Vanderlei tabelou com Rafinha e recebeu passe açucarado na entrada da grande área. Sem marcação o atacante só escolheu o canto e chutou rasteiro. 2x1 Botafogo.

O Botafogo continuou em busca do terceiro gol. O pequenino Iron arriscou do meio da rua, a bola desviou em Da Silva, subiu e Fernando Vizotto salvou. O Gama respondeu com Márcio Tinga que se infiltrou na zaga e caiu pedindo pênalty mas o árbitro Rodrigo Raposo nada marcou. O meia Maninho então sentiu uma contusão e teve que ser substituído. Augusto César optou em colocar o volante Edmar recém contratado pelo time.

O Gama ainda teve uma boa oportunidade em igualar o placar quando Kabrine arriscou o chute de fora da área, a bola resvalou na defesa e sobrou para Fábio Silva ser derrubado na área. O jogo seguiu. O Botafogo respondeu com mais uma arrancada de Adriano felício que tocou na medida para Vanderlei entortar Da Silva e chutar para o gol. Pedrão na cobertura cortou e no rebote Felício chutou mas a zaga abafou. Fim de primeiro tempo com Botafogo à frente no placar.


MENINO PRODÍGIO
Na volta para o segundo tempo Heriberto promoveu a entrada do meia Elivelto no lugar de Márcio Tinga. O garoto entrou voando baixo e sua atuação esquentou ainda mais o jogo. Logo em seguida Tallys bem na partida arriscou da entrada da grande área e Mateus fez uma grande defesa. Já o atacante Anderson Sheik apagado no jogo tentou aproveitar o rebote mas chegou atrasado. A resposta foi imediata: cruzamento de Rafinha e Adriano Felício desviou de cabeça para ótima defesa de Vizotto.

O jogo seguia quente. Primeiro Thompson arriscou da esquerda para ótima defesa de Vizotto. A resposta do Gama veio em seguida quando Kabrine cruzou na medida para Fábio Silva cabecear no pé da trave de Mateus. E na cobrança de escanteio de Elivelto a bola bateu no travessão.

O gol do Gama estava ficando maduro, mas foi o Botafogo que assustou. Em rápido contra-ataque, o jovem Têty avançou sobre a marcação e foi derrubado por Da Silva. Mesmo caído o jogador tocou para Vanderlei sozinho, sem marcação e somente com Vizotto entre ele o gol. Na conclusão Vizotto fez um milagre e defendeu o chute com os pés.

O técnico Augusto César ainda deu aquela força para o Gama quando tirou o lateral direito Amaral para a entrada de Clein. Amaral que foi um dos melhores na partida nem saudou os demais companheiros e foi direto para os vestiários. A torcida do Botafogo fez um coro chamando o treinador de "burro".

Aos 23 o Gama empatou. Tallys sofreu falta pela direita e na cobrança Kabrine contou com o desvio da zaga para enganar o goleiro Mateus e comemorar o gol. 2x2. O gol de empate atordoou o Botafogo. Logo no minuto seguinte o Gama teve a chance de marcar o gol da vitória. Tallys tocou para Fábio Silva em profundidade e o goleiro Mateus saiu nos pés do atacante derrubando-o. O árbitro marcou pênalty. Na cobrança, Anderson Sheik bateu mal e Mateus se redimiu defendendo o chute. Que lance!

O Gama ainda teve um bom lance quando Elivelto cruzou para Fábio Silva cabecear. Mateus defendeu. No rebote Éderson acertou um chutaço e Mateus de novo fez grande defesa. Heriberto então trocou Tallys por Camilo e Anderson Sheik por Edicarlos.
O baixinho entrou bem e quase marcou em chute cruzado.

O Gama ainda teve uma última oportunidade em contra ataque puxado por Edicarlos, mas o baixinho queimou o cartucho muito cedo e chutou para fora. E ficou nisso. Botafogo 2, Gama também 2.

Com o resultado, o Gama manteve a terceira colocação com 6 pontos e o Botafogo recuperou a quarta colocação com cinco. O Gama agora viaja para Formosa no próximo domingo para enfrentar o Formosa Esporte às 17:00 no estádio Diogão.



RESULTADOS
- CFZ 4x2 Ceilândia
- Ceilandense 1x1 Brasília
- Botafogo 2x2 Gama
- Formosa 0x0 Brasiliense

FICHA TÉCNICA

Botafogo 2 x 2 Gama

Local: Estádio CAVE
Árbitro: Rodrigo raposo
Assistentes: Ciro Chaban e Whestane Cassiano
Público: 4.221 pagantes
Renda: R$ 5.105,00
Cartões Amarelos: Hiago, Thompson (Botafogo); Alan, Pedrão, Everton, Edicarlos (Gama)

Gama
Fernando Vizotto: Alan, Da Silva, Pedrão e Kabrine; Éverton, Márcio Tinga(Elivelto), Éderson e Tallys(Camilo); Fábio Silva e Anderson Barbosa(Edicarlos).
Técnico: Heriberto da Cunha.

Botafogo
Vicente Mateus; Amaral(Clein), Hiago, Índio e Rafinha. Iron, Thompson, Maninho (Edmar) e Adriano Felício; Têty e Vanderlei.
Técnico: Augusto César.

CANDANGÃO 2011 - CFZ vence o líder Ceilândia e Ceilandense só empata

Autor: Marcelo | | Categoria: | 1 comentários


A zebra correu solta nos gramados do DF. Nos dois primeiros jogos da rodada o líder Ceilândia que não havia tomado um gol sequer levou quatro de uma vez. E o pior: do lanterna e favorito ao rebaixamento CFZ.

O incrível é que o Ceilândia vencia por 2x0 até o intervalo com dois gols de Alan Dellon. Porém, no segundo tempo o CFZ virou a partida para 4x2 com Jean, Johnes, Tarcísio e Lucas. Com o resutado o CFZ deixou a lanterna temporariamente nas mãos do Formosa que enfrenta o Brasiliense daqui a pouco no Diogão

No outro jogo da rodada, o Brasília ia surpreendendo o Ceilandense fora de casa até os 30 do segundo tempo quando o rubro negro conseguiu o empate. Assim o Brasília continua na zona perigosa em 6º com 4 pontos e o Ceilandense subiu para a 4ª colocação colocando o Botafogo na 5ª.

Para confirmar a boa fase

Autor: Marcelo | | Categoria: | 5 comentários


Botafogo e Gama se enfrentam na noite de hoje buscando permanecer no grupo de elite que se classificará para a segunda fase. Ambos conquistaram resultados distintos na última rodada. Enquanto o primeiro conheceu sua primeira derrota, o último conseguiu sua primeira vitória.

COM OU SEM FANFARRÃO?
O técnico Augusto César que assistiu de camarote a primeira vitória do Gama domingo passado no estádio Bezerrão não deve ter problemas para escalar a equipe que enfrentará o alviverde logo mais no estádio do CAVE. A dúvida está somente no ataque. Ou escala o fanfarrão atacante Túlio Maravilha fora de forma e em má fase para ajudá-lo no projeto mil gols, ou opta pela eficiência do jovem Têty artilheiro do alvinegro com três gols marcados.

No mais o Botafogo deve entrar com a mesma equipe que foi derrotada pelo Brasiliense sábado passado: Vicente Matheus; Clein, Hiago, Índio e Rafinha; Thompson, Iron, Maninho e Adriano Felício; Túlio Maravilha (Têty) e Vanderlei.

DESFALQUES IMPORTANTES
Pelo lado do alviverde, o técnico Heriberto da Cunha terá vários desfalques para conseguir a segunda vitória e confrmar a boa fase. Além do zagueiro Rafael Pedro lesionado, o atacante Bachin também será poupado por dores na coxa.

Além de ambos, o técnico não poderá contar com o lateral esquerdo Cláudio que levou uma entrada dura no jogo passado e segue em tratamento. No meio um desfalque importante: o volante Éderson sentiu uma fisgada no púbis e é dúvida para o jogo. Márcio Tinga, autor do primeiro gol no jogo passado se recuperou e é presença certa na equipe.

Assim como no jogo passado, Heriberto escalará Kabrine na lateral esquerda e Fábio Silva para jogar no ataque ao lado de Anderson Sheik. Caso Éderson não se recupere, Heriberto pode escalar o meia ofensivo Elivelto que entrou muito bem no jogo passado, ou colocar o jovem Wallace para reforçar a marcação.

O Gama deverá entrar em campo hoje à noite com a seguinte formação: Fernando Vizotto; Alan, Da Silva, Pedrão e Kabrine; Éverton, Márcio Tinga, Tallys e Elivelto (Wallace); Fábio Silva e Anderson Sheik.

INGRESSOS
Os ingressos podem ser adquiridos nas bilheterias do estádio ou na loja Fogão Shop localizado na SCLS 308 BL B lj 26, Asa Sul, Brasília ao preço único de R$ 5,00.

JOGOS DE HOJE
- CFZ x Ceilândia (Bezerrão 16:00);
- Ceilandense x Brasília (Abadião 16:00);
- Botafogo x Gama (CAVE 20:30);
- Formosa x Brasiliense (Diogão 20:30)

Mais reforço?

Autor: Sérgio Vinícius | | Categoria: | 2 comentários

O meia Luizinho seria o próximo reforço para o alviverde.
(Foto: Xandy Rodrigues)

 
Segundo o site de esportes cearense artilheiro.com.br o Gama pode ter contratado mais reforço para a continuidade do campeonato candango e disputa da Série D.

Este atleta seria o meio-campista Luizinho de 22 anos, o jogador fora utilizado como lateral-direito no alvinegro cearense na maioria das vezes que teve oportunidade no time do Vozão.  Segundo o portal esta seria a posição que Heriberto da Cunha utilizaria o jogador.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Assessoria de Imprensa do Gama se pronuncia sobre caso Paulo Renê

Autor: Sérgio Vinícius | terça-feira, 25 de janeiro de 2011 | Categoria: | 7 comentários


Após o BloGama noticiar que o jogador Paulo Renê poderia sair do Gama por vias judiciais, o assessor de imprensa do Gama, Thiago Henrique, fez um comentário no post rebatendo a notícia. Nós do BloGama achamos importante dar um destaque maior à nota do assessoria de imprensa gamense.

Thiago Henrique:

"Na verdade o Gama não perdeu o jogador na justiça. Os direitos do atleta ainda são do Gama, uma vez que não há nenhum débito ou coisa do tipo que justifique a sua saída. Até por isso, não há como ele assinar com outro time. O Gama tem todos os comprovantes de pagamento o que nega qualquer motivo para que o atleta saia da entidade por meio judicial."

RAIO-X: Botafogo, de bobos eles não tem nada

Autor: Marcelo | | Categoria: | 2 comentários



O Botafogo-DF é um clube empresa que nasceu por parte de um grupo de empresários chamado Brasília Holding. O grupo de empresários (a maioria botafoguenses) colocaram o plano em prática no dia 23 de julho de 2009 após a aquisição do Clube Esportivo Guará. O presidente Walter Teodoro foi designado como presidente do clube que aproveitou-se da torcida da matriz carioca no DF para torcer pelo caçula local.

Com dinheiro (cerca de trezentos mil por mês de patrocínios) e torcida, só restava ao clube montar o time. E com uma bela jogada de marketing, trouxe o eterno ídolo do Botafogo Túlio Maravilha para jogar no debutante. Na segunda divisão, o clube fez uma boa campanha e conseguiu o acesso à primeira divisão, porém perdeu o título para a base do Gama que jogou pelo time do Ceilandense, calando um estádio lotado de torcedores alvinegros.

Mas engana-se quem achou que a perda do título desanimou os dirigentes. Garantido na primeira divisão, o clube manteve a maioria do elenco, o técnico e se reforçou com bons jogadores. E manteve a política de contratar atletas com história no Botafogo do Rio como o meia Sérgio Manoel e Zé Carlos. Lá atrás a segurança e a juventude de jogadores locais como o volante Bruno de Jesus e o meia Alcione deram um equilíbrio à equipe.

Depois de ficarem pelo meio do caminho no candangão do ano passado e na série D, o Botafogo-DF se recolheu e dispensou a maioria das estrelas do time. Só sobrou o artilheiro falastrão Túlio Maravilha. Neste ano o Botafogo parecia que seria um candidato ao rebaixamento, já que foi a última equipe a se reapresentar. No entanto, sua diretoria deu um golpe de mestre.

O presidente Walter Teodoro aproveitou a quebradeira do Brasília para tirar a base de bons jogadores do Colorado que fizeram uma ótima campanha da série D ano passado. Jogadores experientes do futebol de Brasília como o zagueiro Adriano Cacareco, o volante Iron, o meia Maninho e o lateral direito Clein que estavam com salários atrasados conseguiram a liberação na justiça e passaram a reforçar o alvinegro. Bastou então buscar alguns reforços de peso como o meia Adriano Felício (ex-Brasiliense) e o atacante Vanderley (ex-Gama e Brasiliense) e o time ficou pronto.

O Botafogo começou o candangão vencendo o Brasília. Mas depois empatou em 2x2 com o Formosa e na última rodada perdeu para o Brasiliense por 1x0. Apesar da queda de rendimento, o Botafogo pelo elenco que tem reúne todas as condições de buscar uma vaga entre os quatro primeiros. Já para título, a coisa fica mais complicada. Terá que abdicar do projeto de marketing Túlio mil gols, já que o ex-artilheiro não anda nada bem fisicamente nem tecnicamente. O falastrão atacante pode não jogar diante do Gama por compromissos políticos.


OLHO NELE!!
Nem Adriano Felício, nem Vanderley e nem Túlio Maravilha. A bola da vez no Botafogo é o atacante Têty de apenas 20 anos. Rápido e habilidoso, o reserva de Túlio Maravilha é o artilheiro do candangão com três gols marcados em três jogos.

MAIS DO BOTAFOGO-DF
NOME: Associação Botafogo Futebol Clube
MASCOTE: Manequinho (Uma escultura de um menino urinando)
ESTÁDIO: CAVE no Guará com capacidade para 5.500 pessoas
DESTAQUES: Atacantes Vanderley e Têty
TIME-BASE: Vicente Matheus; Amaral, Hiago, Índio e Rafinha; Iron, Thompson, Maninho e Adriano Felício; Túlio Maravilha (Têty) e Vanderley.
TÉCNICO: Augusto César

BOMBA - Gama perde mais um jogador na justiça

Autor: Marcelo | | Categoria: | 14 comentários


Jovem atacante foi revelado na base do Gama, mas não teve muitas oportunidades.
Foto: Site oficial do Gama (www.gamagol.com.br)

A torcida já estava estranhando o porquê do atacante Paulo Renê não aparecer nem no banco de reservas da equipe nem nos amistosos. A resposta foi divulgada ontem no programa Tribuna do Esporte: Paulo Renê não é mais jogador do Gama.

O jogador por meio de seu procurador Baltazar entrou na justiça trabalhista pedindo a rescisão do contrato com o alviverde. O motivo: três meses de salários atrasados. O próprio jogador atendeu à reportagem do Tribuna do Esporte e falou que já está em negociação com outro clube, mas que não iria revelar para não atrapalhar as negociações.

Assim Paulo Renê segue o mesmo destino de Ferrugem, Bebeto, Deda e vários outros jogadores de talento que passaram pelo Gama. O Brasiliense pode ser o destino do atacante.

A Assessoria de Imprensa do Gama por meio do jornalista Thiago Henrique afirmou que desconhecia a decisão do jogador e afirmou que os salários de todos os jogadores estão rigorosamente em dia.

REVELAÇÃO

Paulo Renê chegou ao Gama em 2009 sendo utilizado no time de juniores durante a disputa do campeonato candango da categoria. O menino de Paulo Bernardo-GO mostrou muita personalidade e talento. Com ele em campo o Gama atropelou várias equipes com goleadas impressionantes. Ele marcou nada menos de 23 gols na competição e só não marcou mais por intervenção da comissão técnica formada por Augusto César na época.

Depois de arrebentar nos juniores, Paulo Renê chamou a atenção de olheiros e então surgiu uma proposta do Goiás-GO para contratar o jogador. No entanto o presidente do Gama interveio e firmou contrato com ele até maio de 2012. Paulo René foi peça importante no acesso do Ceilandense em 2009, quando o rubro-negro tinha uma parceria com o alviverde.

Ano passado Paulo Renê foi incorporado ao grupo principal do Gama para a disputa do candangão, mas não teve chances com nenhum treinador que chegou ao alviverde. O jogador se reapresentou com os demais jogadores em novembro na expectativa de ser aproveitado pelo técnico Heriberto da Cunha, o que não ocorreu.

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Gama de olho em lateral e quer repatriar meia

Autor: Marcelo | segunda-feira, 24 de janeiro de 2011 | Categoria: | 7 comentários


Depois de tirar o pé da jaca ao vencer a frágil equipe do CFZ no último domingo, o Gama volta suas atenções para a partida diante do Botafogo-DF nesta quarta-feira no estádio do CAVE. O Botafogo está na quarta colocação com quatro pontos, um atrás do alviverde com cinco.

Hoje no programa Jogo Aberto da TV Bandeirantes o repórter Fábio Santos especulou que o alviverde estaria de olho em dois jogadores. O primeiro é o lateral-direito Maizena (foto) que está disputando o paulistão pelo Mogi Mirim. O jogador que está na reserva do clube paulista é ambidestro e jogou no União Barbarense-SP, Santa Cruz-PE e Icasa-CE.

O outro jogador é um velho conhecido da torcida. Trata-se do meia Doda que fez parte do elenco rebaixado para a série D do ano passado e não teve seu contrato renovado pelo clube. O jogador pertence ao Noroeste-SP que disputa o paulistão. Nesse caso a volta do jogador ao alviverde seria difícil já que não há interesse da diretoria paulista em emprestá-lo. Doda inclusive jogou no último final de semana no empate em 1x1 diante do Corinthians no estádio Pacaembu.

O volante Thiago Gaúcho também não deve mais vir para alviverde. O jogador que está atuando como meio-campo no América-SP disputa a série A-2 do paulistão e é peça fundamental do time rubro.

ONDE ESTÁ PAULO RENÊ?
O atacante Paulo Renê, destaque da equipe de juniores de 2009 está sumido. O jogador não foi relacionado para o amistoso diante da Anapolina-GO e nem foi visto no banco de reservas. Surgiu uma notícia de que ele teria sido oferecido para o clube goiano antes do amistoso, depois disso não se falou mais no assunto.

Diretoria não se entende e torcedor sofre as consequências

Autor: Marcelo | | Categoria: | 14 comentários


Torcedores do Gama protestam mais uma vez pelo preço dos ingressos.
Foto: Gabriel Caetano

A goleada do Gama sobre o CFZ pela terceira rodada e o fim do jejum de quase um ano sem vitórias era para ser motivo de alegria entre a torcida. No entanto um ato da diretoria revoltou os torcedores que foram ao Bezerrão neste domingo. Ao contrário do jogo da primeira rodada quando o alviverde estreou na competição, os bilheteiros foram orientados a exigir o documento que comprove o direito à meia entrada para poder pagar R$ 10,00. Para os demais foi cobrado o preço divulgado no site oficial: R$ 20,00.

A atitude revoltou os torcedores que esperavam pagar R$ 10,00 no ingresso assim como foi no primeiro jogo. Houve um princípio de confusão na entrada do estádio onde a polícia teve que ser chamada. Na comunidade do Gama, não faltaram críticas à decisão da diretoria de fazer o torcedor do Gama pagar o ingresso mais caro do DF.

Segundo palavras do radialista Daniel Lira, o Dany Pança, há uma divergência entre o presidente Paulo Goyaz e o vice-presidente Carlos Macedo sobre o preço dos ingressos. Macedo é a favor de cobrar R$ 5,00 pelo ingresso das arquibancadas cobertas enquanto Goyaz insiste em manter o preço máximo estipulado pela Federação para incentivar a torcida a aderir ao projeto Sócio-Torcedor.

Até mesmo o governador Agnelo Queiroz que esteve presente ontem no estádio reclamou ao presidente sobre o preço alto dos ingressos. Sob vaias, Goyaz anunciou que irá lançar uma nova modalidade de Sócio-Torcedor onde o associado terá desconto nos ingressos.

Confira algumas críticas dirigidas à atitude da diretoria em manter os ingressos mais caros que todos os cobrados no DF:

- Estou sendo obrigado a ouvir o jogo do Gama pelo rádio, pois apesar de ter plenas condições de pagar 20 reais, me recuso a fazer isso. É impressionante como esse pessoal que está no comando da SEG faz de tudo CONTRA os torcedores e contra o próprio Gama. Começo a acreditar que existe um objetivo por trás de tudo isso... de toda essa palhaçada que estão fazendo com o torcedor.... fazendo com que ele suma do estádio. Não tem outra explicação, tem gente dentro da SEG fazendo o que podem para acabar com o time. No tempo que fiquei na fila, vi que de cada 10 torcedores, 7 estavam desistindo de assistir o jogo por causa do preço do ingresso.(Roger)

- Palhaçada na bilheteria, cobrando inteira de idosos...eu vi 2 idosos indo embora indignados falando que não iam mais assistir jogo do Gama. (Vitor)

- Estive semana passada em São Paulo e paguei R$ 8,00 para assistir um jogo do Palmeiras. Agora aqui levei meu irmão e dois cunhados tive que pagar R$ 80,00 para ver jogo tomando sol na cara. Absurdo!!! (Elias)

- Que pena, que a diretoria me afastou desse, e provavelmente de outros futuros jogos, com esse PREÇO ABSURDO !!! É uma pena ter que escolher jogos a dedo, e não ter ido em um como esse...(Anderson)

domingo, 23 de janeiro de 2011

TV BLOGAMA - Gols e melhores momentos da partida

Autor: Marcelo | domingo, 23 de janeiro de 2011 | Categoria: | 4 comentários


A seguir o BLOGAMA apresenta os melhores momentos da partida de hoje entre Gama e CFZ.


Gama 4x0 CFZ - Xô, urucubaca!!!

Autor: Marcelo | | Categoria: | 14 comentários


Atacante Anderson Barbosa estreou fazendo gol.
Foto: Marcelo Gonçalo (www.blogama.com.br)

Finalmente chegou ao fim o jejum de quase um ano de vitorias do Gama. Jogando em casa diante de poucos torcedores, o alviverde goleou a equipe do CFZ por 4x0.

Marcio Tinga, Fabio Silva, Anderson e Alan marcaram os tentos da importante vitoria. Com os resultados, o periquito subiu para a terceira posiçao com 5 pontos. O jogo marcou a estréia do atacante Anderson Barbosa no periquito. E a estréia não poderia ser melhor, já que marcou o terceiro gol do Gama na partida.

O JOGO
O técnico Heriberto da Cunha surpreendeu a todos logo antes de a bola rolar. Mesmo precisando da vitória para se afastar da zona do perigo, Heriberto escalou o alviverde com os mesmos três volantes da partida anterior. E de quebra Fábio Silva atuou ao lado de Anderson Barbosa. O atacante Bachin com um desconforto muscular foi vetado pelo Departamento Médico e não figurou nem entre os reservas. O técnico do Botafogo-DF Augusto César acompanhou das cadeiras a partida. O alvinegro que será o próximo adversário do périquito.

Já o CFZ veio fechadinho com três zagueiros, seis no meio de campo e apenas Johnes no ataque. A proposta era óbvia: segurar o resultado e apostar nos contra-ataques. O jogo começou e o Gama mostrou os mesmos pecados de antes: pouca objetividade e muitos erros de passe.

Já o CFZ abusou das jogadas violentas. Logo no início da partida o zagueiro Carlos deu um carrinho no lateral esquerdo Cláudio que se lesionou. Heriberto colocou o meia Kabrine no seu lugar. O jogo continuou morno com ligeira vantagem para o Gama.

O primeiro lance de perigo só aconteceu aos doze minutos. Tallys sofreu falta na meia-lua e na cobrança Éderson cobrou forte no canto direito mas Renato desviou para fora. O CFZ tentava assustar Fernando Vizotto em chutes de fora da área mas o goleirão alviverde estava atento. Alguns minutos depois Éderson fez linda jogada individual, avançou para dentro da área, limpou a marcação e chutou, mas a bola passou pela esquerda do gol.

O Gama era melhor na partida mas não chegava com perigo ao gol de CFZ. O jogo caminhava para o empate até a chegada do intervalo, mas eis que Tallys tentou uma investida pelo meio porém havia muitos jogadores na marcação. O meia voltou então a jogada para Márcio Tinga. O volante avançou e do meio da rua soltou um chutaço certeiro. Qundo o goleiro Renato viu, a bola já estava lá dentro. Explosão nas arquibancadas. Gama 1x0.

O gol animou o time da casa. O Gama poderia ter ampliado logo no minuto seguinte quando Anderson ganhou bola na defesa, avançou sem marcação e tocou para Fábio Silva. Mas o passe foi muito comprido e Anderson então arriscou de fora da área e Renato quase aceita. O jogo foi para o intervalo com o Gama na frente.

No intervalo o presidente do Gama Paulo Goyaz apareceu para falar com um torcedor ilustre: o governador Agnelo Queiroz que sempre foi torcedor gamense estava lá para ver a equipe. A torcida é claro falou alguns impropérios criticando a administração de Goyaz. Alguns até pediram patrocínio.



SÓ DEU GAMA
Na volta para o segundo tempo o CFZ ensaiou uma reação, porém a defesa bem assessorada suportou bem. Alguns minutos depois Heriberto tirou Márcio Tinga para promover a entrada do meia Elivelto. O jogador oriundo das categorias de base do alviverde entrou bem e desequilibrou a partida.

Primeiro cobrou uma falta na medida para o zagueiro Pedrão cabecear, porém a bola foi para fora. Mas logo em seguida o Gama ampliou. Mais uma cobrança venenosa de Elivelto para a área, Renato tentou afastar de soco, só que a bola quicou nas suas mãos e ela bateu na trave direita. Na sobra Fábio Silva de frente para o gol só teve o trabalho de empurrar para dentro. Gama 2x0.

Vendo a vaca ir para o brejo o técnico Toninho Cajuru desfez o esquema com três zagueiros e colocou mais um atacante. Com isso o time se abriu de vez e o alviverde aproveitou. Alan fez boa jogada pela direita e cruzou para a grande área. A defesa rebateu e Elivelto bem colocado chutou para o chão. A bola passou à esquerda de Renato.

Mas no minuto seguinte o Gama fez o terceiro. Fábio Silva deu uma cavadinha pela esquerda e deixou Elivelto cara a cara com Renato. O meia chutou e Renato salvou com a mão direita. Mas no rebote Anderson estava na horta certa e no lugar certo. De cabeça enfiou a bola nas redes de Renato. Gama 3x0.

Heriberto então tirou o meia Tallys para promover a entrada de Camilo. O jogo seguia com amplo domínio do Gama. Aos 28 Camilo recebeu passe dentro da área, avançou para o gol e quis parar para driblar Renato quase escorregando. Alan esperto no lancetomou-lhe a bola e tocou no canto direito sem chances para Renato. 4x0 para o Gama.

A torcida ensaiou um "olé" e o CFZ sem mais nada a perder quase perdeu a cabeça. O volante Periveldo deu no meio de Elivelto e formou-se em seguida um princípio de empurra-empurra. O juiz Almir Camargo entrou no meio e desfez a confusão. No finalzinho da partida o CFZ quase descontou. O atacante André recebeu passe dentro da pequena área e de frente com Vizotto chutou na trave. Mas aí já era tarde. resultado final: Gama 4, CFZ nada.



Com a vitória o Gama assumiu a terceira posição na tabela com 5 pontos atrás de Brasiliense e Ceilândia com 7. A próxima partida do verdão será nesta quarta-feira (26) às 20:30 no estádio do CAVE no Guará quando medirá forças com o Botafogo-DF.

RESULTADOS:
- Brasiliense 1x0 Botafogo*
- Brasília 1x0 Formosa*
- Gama 4x0 CFZ
- Ceilândia 1x0 Ceilandense
*Jogos realizados ontem

FICHA TÉCNICA

Gama 4 x 0 CFZ

Local: Estádio Bezerrão
Árbitro: Almir Camargo
Assistentes: João Neto e José Sabino
Público: 1.510 pagantes
Renda: R$ 11.722,00
Cartões Amarelos: PC e Paraíba (CFZ)

Gama
Fernando Vizotto: Alan, Da Silva, Pedrão e Cláudio(Kabrine); Éverton, Márcio Tinga(Elivelto), Éderson e Tallys(Camilo); Fábio Silva e Anderson Barbosa.
Técnico: Heriberto da Cunha.

CFZ
Renato; Carlos(Bruno), Bonfim e Perivaldo; Tarcísio, Felipinho, Paraíba e Carlyle(Lucas); Johnes(André) e Esquerdinha.
Técnico: Toninho Cajuru.


sábado, 22 de janeiro de 2011

CANDANGÃO 2011 - Mandantes vencem no sábado e responsa aumenta para o verdão

Autor: Marcelo | sábado, 22 de janeiro de 2011 | Categoria: | 1 comentários


Duas partidas abriram na tarde de hoje a terceira rodada do campeonato candango. E os mandantes se deram bem.

No estádio Serejão o Brasiliense foi dominado pelo visitante Botafogo mas no segundo tempo em falha de marcação Bebeto recebeu na pequena área e de calcanhar serviu Ruy para fazer o único gol do jogo. Com a vitória o Brasiliense reconquistou a liderança do campeonato indo para sete pontos enquanto o Botafogo caiu para a quarta colocação.

No outro jogo da tarde, o Formosa ia conquistando um ponto até que aos 46 do segundo tempo o meia Geraldo ex-Gama marcou o gol da primeira vitória do Brasília no candangão. Com isso o colorado deixou a lanterna para o CFZ e ocupa agora a 5ª posição com três pontos. O Formosa caiu para 7º.

Amanhã no complemento da rodada Ceilândia e Ceilandense fazem o Dérby doméstico no estádio Abadião. Enquanto isso o Gama enfrenta o CFZ no estádio Bezerrão, ambas as partidas previstas para ocorrerem às 16:00.

Trezentos e vinte e nove dias

Autor: Marcelo | | Categoria: | 7 comentários


pela terceira rodada do campeonato candango, Gama e CFZ se enfrentam amanhã no magnífico estádio Bezerrão em busca do mesmo objetivo: recuperação. O alviverde vem de dois empates consecutivos e com os resultados das outras partidas o periquito decacampeão do DF despencou na tabela ocupando a perigosa sexta posição. Logo atrás com nenhum ponto conquistado está a desesperada equipe do CFZ. A equipe anilada atual nem de longe lembra aquela que foi campeã invicta do DF em 2002. Sem dinheiro, sem estádio e sem torcida, a filial candanga do time do Zico luta para não cair para a segunda divisão novamente.

A ARMA É A BOLA PARADA
O técnico Toninho Cajuru não tem grandes problemas para escalar o CFZ que enfrentará o Gama no domingo. Para buscar a sua primeira vitória no Campeonato, Toninho tem como uma de suas armas preferidas as jogadas de bola parada. A orientação aos seus atletas é de forçar as faltas próximas à grande área e tentar surpreender a ainda desentrosada zaga alviverde em jogadas aéreas. Para esta missão o técnico anilado conta com a habilidade do meia Carlyle, filho do atual presidente do CFZ. A equipe que deve entrar em campo deve ser esta: Renato; Tarcísio (PC), Jean, Bonfim e Felipinho; Perivaldo, André Tobias, Paraíba e Carlyle; Brunho e Johnes.

SALVADOR DA PÁTRIA?
Sem sentir o gostinho de uma vitória há 329 dias, o Gama aposta na estréia do atacante Anderson Barbosa para vencer o ameaçado CFZ em casa e buscar a reação na tabela. O técnico Heriberto da Cunha fez ontem um treino fechado à imprensa e torcedores no estádio Bezerrão visando montar a equipe ideal. A expectativa fica pelo composição do meio de campo. Éverton e Éderson esperam saber pra quem tocar a bola na frente: Tallys, Elivelto, Camilo, Dudu ou Márcio Tinga.

Estrela solitária, o atacante Bachin foi poupado do treinamento devido a dores na coxa, mas é presença certa no ataque amanhã. Em entrevista ao site oficial do clube, Anderson disse estar ansioso pela estréia. Não se sabe se por orientação do técnico Heriberto da Cunha, Anderson afirmou que irá jogar em um posicionamento diferente do que a torcida conhecia antes, agora mais fixo na área para prender a marcação: "A ansiedade de voltar a jogar é grande. Mas, acabou que esse período foi bom para ganhar mais um pouco de físico e tático com os demais jogadores. Agora estou a disposição do Heriberto para esse jogo importante. E espero ajudar o Gama nessa a conquistar a primeira vitória. A torcida vai estranhar um pouco, pois atuava fora da área e agora eu sou mais de área, algo que não tinha no Gama nesses últimos jogos. Se jogar devo ficar na área pra fazer os gols" disse.

Eleito pela torcida como pior em campo nos dois últimos jogos, o lateral esquerdo Cláudio deve continuar como titular na posição. Não se sabe se por motivos físicos ou técnicos, o jogador não aparece no ataque e demora a voltar para ajudar na marcação (quando ajuda). A opção do técnico seria Alexandre, atleta revelado nas equipes de base do alviverde.

O técnico Heriberto da Cunha deve enviar o Gama a campo com a seguinte formação: Fernando Vizotto; Alan, Da Silva, Pedrão e Cláudio; Éverton, Éderson, Tallys e Elivelto (Kabrine ou Camilo); Anderson e Bachin.

COPA SULAMERICANA - Equipe 94 chega à final

Autor: Marcelo | | Categoria: | 19 comentários


Acontecem hoje as partidas finais da XXI Copa Sulamericana de Futebol para categorias de base disputada na cidade de Rolândia-PR. O Gama disputa a competição nas categorias 93 a 96.
A equipe 93 comandada pelo técnico Enock Lopes foi eliminada nas quartas de final pelo Araçá-RS por 1x0. A equipe 95 comandada pelo técnico Ernesto também teve o mesmo destino sendo eliminada pelo CRB-AL por 2x1. A única equipe que decepcionou foi a 96 que acabou sendo eliminada na fase de grupos.

O destaque foi a campanha da equipe 94 comandada pelo técnico Gabriel Magalhães. Depois de ter sido vice-campeão candango da categoria juvenil, a equipe aplicou goleadas na fase de grupos e na semifinal venceu o Independente-PA por 2x0. Hoje a equipe decide o título diante do Riachinho de Contagem-MG. A partida ocorrerá às 10:10 no campo do Nacional.

Confira agora as campanhas das equipes do Gama na competição. Pedimos desculpas pela atualização atrasada da competição devido à falta de informações prestadas pela empresa organizadora do evento.

TERÇA
93 D Nacional-PR 0X0 Gama-DF
94 C Gama-DF 5X0 Madureira-MS
95 CXD Gama-DF 0X0 Camisa 10 Sport-PA
96 A Gama-DF 1X5 Marilândia-PR

QUARTA
93 D Gama-DF 1X0 S.E.C P. Atleta Nota 10-Ceará "B"
94 C Gama-DF 3X1 C.T Engenho Novo -PA
95 CXD sinop F. C-MT 0X0 Gama-DF
96 A Escolinha F.Joquei Clube-GO 0X2 Gama -DF


QUINTA(quartas de final)
93 JOGO 01 A.Araça Esporte Clube-RS 1X0 Gama-DF
94 JOGO 07 Gama-DF 6X0 Escolinha F. Nova Esperança-MS
95 JOGO 10 CRB-AL 2X1 Gama -DF

SEXTA(semifinal)
94 JOGO C Independente-PA 0X2 Gama-DF

SÁBADO(final)
94 Sport Clube Riachinho-MG X Gama-DF

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

MEDO OU RESPEITO? Heriberto faz treino secreto para enfrentar vice-lanterna

Autor: Marcelo | sexta-feira, 21 de janeiro de 2011 | Categoria: | 7 comentários


O treino de apronto foi transferido para o Bezerrão hoje à tarde.
Foto: Marcelo Gonçalo (www.blogama.com.br)

Que a situação não anda nada boa para os lados do periquito a gente sabe. Recentemente rebaixado à quarta divisão nacional, beirando a zona de rebaixamento do campeonato local e com um incômodo jejum de 329 dias sem vencer uma partida oficial, o alviverde se prepara para enfrentar o desesperado CFZ na próxima rodada. Uma derrota ou novo empate combinado com uma eventual vitória do Brasília leva o periquito para a temível zona de rebaixamento.

No entanto o CFZ vem de duas derrotas consecutivas e é favorito ao descenso deste ano ao lado do próprio Brasília. Teoricamente seria o adversário ideal para o alviverde se recuperar na tabela e pôr fim ao jejum de quase um ano sem vitórias. Porém hoje o técnico Heriberto da Cunha exagerou no respeito ao adversário e adotou o mistério para tentar ganhar a primeira partida em 2011.

Segundo o site oficial do clube, o treinamento de apronto para o confronto previsto para ocorrer hoje no CT Ninho do Periquito foi transferido para o estádio Bezerrão. Até aí, nada demais. Porém o site informou que o treinamento será fechado para torcedores e imprensa. Imagens estão proibidas e entrevistas somente após o treinamento.

Apesar do discutível mistério, o técnico Heriberto da Cunha deve montar uma equipe mais ofensiva do que aquela que enfrentou o Brasiliense na última quarta-feira. A única ausência deve ser a do zagueiro Rafael Pedro ainda em tratamento de estiramento muscular. A defesa deve permanecer da mesma forma. Na frente o atacante Anderson deve fazer dupla de ataque com Bachin. A dúvida estaria no meio de campo.

Heriberto reclamou publicamente da falta de produtividade do setor de meio de campo. No primeiro jogo o setor foi formado por dois volantes e dois meias (Everton, Tallys, Camilo e Elivelto). No clássico o treinador optou por um esquema mais defensivo com três volantes e um meia (Éverton, Márcio Tinga, Éderson e Tallys)

Na defesa Heriberto deve escalar a dupla de volantes formada por Éverton e Éderson. O problema reside no setor de criação. Nenhum dos meias à disposição agradou o treinador. Dos cinco meias de ligação à disposição, Heriberto terá que escalar dois (Tallys, Camilo, Kabrine, Elivelto ou o garoto Dudu) ou improvisar um volante mais produtivo no setor.

OPINIÃO: Ultimamente está na moda entre os treinadores a prática do treino secreto. Segundo eles, é a oportunidade de arquitetar um plano de jogo de forma a surpreender o adversário além de ensaiar jogadas de bola parada.

Um dos maiores treinadores do Brasil defendeu o treino secreto. O técnico do Corinthians Tite iria enfrentar o Palmeiras de Felipão e declarou o seguinte: "Treino secreto ou esconder informações não ganham jogo, mas dificultam o trabalho do outro lado. Não quero que o Felipe faça preleção com o Corinthians já definido. Deixa o Felipe quebrar a cabeça. Eu também estou quebrando a minha para descobrir o que ele está preparando". Pelo menos para o Corinthians deu certo já que venceu o cléssico por 1x0.

Diz o ditado que "os fins justificam os meios", mas será que de fato este artifício é válido? Pelo menos hoje para o Gama, não. Além do mais, nos patamares do nosso futebol tupiniquim e com a qualidade dos jogadores à sua disposição, dificilmente Heriberto poderá armar alguma surpresa para o técnico do CFZ Toninho Cajuru. Uma leitura de cinco minutos de jogo será o suficiente para ambos.

No final das contas, quem paga o pato é a imprensa que fica impedida de fazer o seu trabalho e a torcida que fica sem contato com os jogadores que lhe representam dentro de campo. O que o Gama tem pra esconder? Só os fracassos...

RAIO - X: CFZ, a filial candanga de Zico

Autor: Marcelo | | Categoria: | 0 comentários


O CFZ-DF foi fundado em 1999 com o objetivo de ser uma filial candanga do Centro de Futebol Zico do Rio de Janeiro. Contando com o apoio financeiro do chefe Zico que estava (e até hoje está) inconformado pelo fato de nunca conseguir colocar o seu time na primeira divisão carioca, Zico resolveu investir na filial candanga.

Em 2001 o time foi vice-campeão da segunda divisão e foi promovido à primeira em 2002. Contando com vários jogadores da matriz e sob o comando do técnico até então desconhecido Reinaldo Gueldini, o CFZ fez uma brilhante campanha no candangão e na segunda fase enfrentaria o Gama que disputava a Copa Centro-Oeste. O CFZ não só eliminou o Gama como foi campeão invicto do DF. A equipe campeã foi a seguinte: Ricardo, Cássio, Cabrerizo, Rodrigo Melo e Macaé; Ademir, Cubango, Kabila (Nill) e Rodrigão; Tiano (Igor) e Marcelinho. Técnico: Reinaldo Gueldini. O Gama perdeu com: Fábio Noronha, Paulo Henrique, Émerson, Jairo e Jéferson(Zé Renato); Rochinha, Romualdo (Alessandro Bocão), Nen e Wesley; Lindomar e Ânderson (Abimael). Técnico: Cuca (ele mesmo).

Com o feito o CFZ disputou a Copa do Brasil em 2003 e em 2005. Uma das peças fundamentais daquela conquista foi o meia Tiano. O jogador foi o maestro daquela equipe o que lhe rendeu várias propostas de times grandes. O jogador perambulou por Brasiliense, Portuguesa, Santa Cruz e muitos outros clubes. Hoje Tiano joga no Bangu-RJ.

No entanto em 2005 Zico parou de investir dinheiro no clube. O resultado foi imediato. Sem dinheiro o clube caiu de rendimento e quase foi extinto. O presidente na época Márcio Heuser fez uma parceria com o Brasília a fim de manter o time em atividade, mas as derrotas culminaram com o rebaixamento em 2006. Desde então o CFZ vem disputando as divisões inferiores do campeonato candango no papel de coadjuvante.

Em 2010 graças a uma parceria entre o CFZ e o empresário Eduardo Pedrosa, a equipe se reforçou e conseguiu ser campeão da segunda divisão. Porém em 2011 o empresário deixou a equipe deixando o CFZ na berlinda. A solução encontrada pelo clube foi apostar nos garotos das divisões de base que fizeram uma boa campanha na Copa São Paulo de 2010. O maestro daquela equipe, o meia Carlyle que também é filho do presidente foi emprestado pelo Flamengo a fim de ajudar o CFZ. O clube também contratou alguns reforços de última hora advindos do Coritiba-PR.

Porém o CFZ voltou à dura realidade. Em duas rodadas o clube azul sofreu duas derrotas (3x2 para o Brasiliense e 1x0 para o Ceilandense). Com tantos problemas, o CFZ reúne todas as condições para ser novamente rebaixado este ano. Mas futebol é uma caixinha de surpresas...

MAIS DO CFZ:
NOME: Centro de Futebol Zico de Brasília;
MASCOTE: Não tem;
POSIÇÃO BRASILEIRO ANO PASSADO: Não disputou;
POSIÇÃO ESTADUAL ANO PASSADO: 1º (Campeão da segunda divisão de 2010);
DESTAQUES: Meia Carlyle;
TIME BASE:Renato; Tarcísio, Jean, Bonfim e PC; Perivaldo, André Tobias, Paraíba e Carlyle; Johnes e Bruno.
TÉCNICO: Toninho Cajuru.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

AGORA VAI - Atacante é regularizado e joga no domingo

Autor: Marcelo | quinta-feira, 20 de janeiro de 2011 | Categoria: | 3 comentários


Anderson teve seu nome publicado no BID da CBF.
Foto: Marcelo Gonçalo (www.blogama.com.br)

Surge no horizonte uma esperança de o Gama terminar com o incômodo jejum de 327 dias sem vitória. O Atacante Anderson Barbosa finalmente teve sua situação regularizada e deve reforçar o alviverde no desafio diante do CFZ próximo domingo no estádio Bezerrão.

Com a chegada do jogador ao time titular, Anderson deve fazer dupla de ataque com a estrela solitária Bachin. A expectativa agora é que a equipe reencontre o caminho dos gols e das vitórias. Um tropeço diante do também desesperado no próximo domingo pode significar uma passagem para a zona de rebaixamento do candangão.

FBF notifica Brasiliense por valores de ingresso desiguais

Autor: Marcelo | | Categoria: | 4 comentários


Um grupo de torcedores do Gama ligou para a Federação Brasiliense de Futebol para reclamar do preços cobrados pela diretoria do clube amarelo pelo ingresso na arena sul reservada à torcida visitante. Enquanto as demais áreas descobertas estavam sendo vendidas a R$ 5,00 o torcedor do Gama teve que pagar R$ 10,00 por lugar semelhante. A Federação então enviou um ofício ontem à diretoria do Brasiliense alertando sobre o fato.

No entendimento da FBF, o alerta visa cumprir o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) 602/2009, firmado entre a FBF e a 1ª Promotoria de Justiça de Defesa dos Direitos do Consumidor do Ministério Público do Distrito Federal (MPDFT). "A fim de evitar transtornos com a Procuradoria de Justiça ou a fixação de multa pelo Procon, vem a FBF requerer que o presidente do Brasiliense FC cumpra na íntegra o Código de Defesa do Consumidor e o TAC, mantendo o mesmo preço de ingressos (setores proporcionais ou equivalentes) para as torcidas com mando de campo e torcidas visitantes", cita um trecho do alerta.

'Sem tempo hábil'

O mandatário do Brasiliense, Luiz Estevão, informou que o clube não pôde seguir o alerta da Federação porque o comunicado foi entregue depois de os ingressos serem vendidos. Mas ele se comprometeu em seguir a determinação no restante do campeonato. 'O ofício nos foi entregue às 16h05 do dia 18, quando os ingressos já estavam vendidos, mas, de agora em diante, estamos atentos à regra', disse.

CANDANGÃO 2011 - Ceilandense vence CFZ e Gama cai pra 6º

Autor: Marcelo | | Categoria: | 4 comentários


Em jogo isolado valendo pela segunda rodada do campeonato candango, o Ceilandense recebeu na tarde de hoje a equipe do CFZ no estádio Abadião. Sem nenhuma das equipes demonstrarem um grande futebol, o time da casa conseguiu vencer sua primeira partida como mandante pelo placar de 1x0.

O gol foi marcado por Alcione aos 28 minutos da primeira etapa cobrando pênalty. Com o resultado o Ceilandense assumiu a quarta colocação com quatro pontos enquanto o CFZ permanece na vice-lanterna com 0. O Gama então caiu da quinta para a sexta posição, apenas uma acima da temível zona de rebaixamento.

Gama e CFZ se enfrentam na próxima rodada e com os resultados o jogo valerá seis pontos. Uma derrota ou um empate combinado com uma possível vitória do Brasília coloca o alviverde na zona de rebaixamento à segunda divisão do campeonato candango.

A partida entre Gama e CFZ será no próximo domingo (23) às 16:00 no magnífico estádio Bezerrão.

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Brasiliense 0x0 Gama - O Botafogo agradece!

Autor: Marcelo | quarta-feira, 19 de janeiro de 2011 | Categoria: | 6 comentários


Gama continua sem vencer uma partida oficial.
Foto: Site oficial Brasiliense

O Gama foi à Taguatinga enfrentar o arquirrival Brasiliense em seus domínios buscando pôr fim ao incômodo jejum de 325 dias sem vitória. Mas após um jogo fraco tecnicamente por parte das duas equipes, o jogo terminou sem um vencedor e sem gols.

Foi o 12º empate entre as duas equipes na história de confrontos verde-amarelos. Com um esquema defensivo, o técnico Heriberto da Cunha recheou o meio de campo de volantes e dificultou a vida do jacaré. Mas em contrapartida o alviverde poucas vezes chegou à meta defendida pelo goleiro Gilson. O Gama teve uma chance clara no primeiro tempo com Éderson mas a bola foi para fora. O Brasiliense respondeu com um chute na trave de Fabiano Gadelha.

No segundo tempo o jogo seguiu sem emoções e com apenas um lance de perigo. O volante Ferrugem evitou saída de bola na raça e tocou para Adrianinho. O meia ligou rapidamente o contra-ataque com Bebeto que chegou à linha de fundo e cruzou perigosamente para Djavan. Mas a defesa do Gama se recuperou a tempo.

Certamente aconselhado pelo técnico Reinaldo Gueldini, o atacante Djavan concentrou suas ações pela direita nas costas do lateral esquerdo Cláudio. Ele foi o pior jogador do Gama em campo. Já a defesa gamense formada por Da Silva e Pedrão mostrou melhor entrosamento já que teve mais cobertura dos atletas de meio de campo. Destaque para mais uma boa atuação de Fernando Vizotto que saiu em todas as bolas cruzadas na área não permitindo perigos de gols em jogadas aéreas.

O resultado ajudou Botafogo e Ceilândia que passaram à frente do Brasiliense na classificação deixando o time amarelo na terceira colocação. Já para o Gama o resultado foi ainda pior pois caiu para a 5ª colocação e deve ser ultrapassado por CFZ ou Ceilandense que jogam hoje à tarde no estádio Abadião.

TORCIDA SÓ CHEGOU NO FINAL
Seis ônibus da torcida IRA Jovem ficaram parados por mais de uma hora em Samambaia escoltados pela polícia militar. As viaturas seguiam rumo à Taguatinga porém um problema mecânico em um dos ônibus fez com que a organizada só chegasse aos quinze minutos do segundo tempo. No final da partida houve um princípio de correria que foi contida pelo forte esquema policial montado no estádio Serejão.

RESULTADOS
- Brasiliense 0x0 Gama
- Botafogo 2x2 Formosa
- Ceilândia 2x0 Brasília
- Ceilandense x CFZ*

*Jogo a ser realizado hoje à tarde no estádio Abadião

FICHA TÉCNICA

Brasiliense: Gilson; Patrick, Raphael, Moacri e Willian; Deda, Ferrugem, Fabiano Gadelha (Djavan), Ruy (Adrianinho) e Felipe; Acosta (Bebeto)
Técnico: Reinaldo Gueldini

Gama: Vizotto; Alan, Da Silva, Pedrão e Claudio; Everton, Ederson, Marcio Tinga (Elivelto) e Tallys; Bachin e Fabio Silva (Camilo)
Técnico: Heriberto da Cunha

Cartões amarelos: Moacri, Willian, Deda e Ferrugem (Brasiliense) e Alan e Pedrão (Gama)
Público: 3.915 pagantes
Renda: R$ 16.721

COPA SULAMERICANA - Equipes do Gama começam bem

Autor: Marcelo | | Categoria: | 2 comentários


Ontem foi dada a largada da XXI Copa Sulamericana de Futebol Infantil e Juvenil. O Gama está neste momento em Rolândia disputando o campeonato em quatro categorias: 93, 94, 95 e 96.

Na primeira rodada nenhuma das equipes perdeu. Destaque para a equipe 94 que goleou o Mixto de Mato Grosso por 4x0. A próxima rodada será amanhã. Confira os resultados:

95 CXD Gama -DF 3X3 Nova Esperança -MS
94 C Gama -DF 4X0 Mixto Esporte Clube -MT
93 D Gama -DF 2X0 Afugel -PR
96 A Gama -DF 2X2 Mixto Esporte Clube -MT

Trezentos e vinte e cinco dias

Autor: Marcelo | | Categoria: | 3 comentários


Brasiliense e Gama fazem hoje o clássico de número 40 na história do futebol. O Brasiliense está na frente no número de vitórias (14 a 13) e foram até hoje 11 empates. A última vitória do Gama foi no ano passado quando venceu no estádio Bezerrão no estadual por 3x1. Já no último confronto entre as duas equipes, a vitória foi do Brasiliense no estádio Serejão por 2x0.

DJAVAN VOLTA
No Brasiliense o técnico Reinaldo Gueldini fez um coletivo fechado à imprensa onde os titulares venceram por 2x0. Além de insistir no posicionamento da defesa, a novidade foi a volta do atacante Djavan ao time titular. O jogador teve que cumprir suspensão na primeira rodada devido à uma expulsão do ano passado e agora deve voltar a ser titular no lugar de Felipe. Patrick deve assumir a lateral direita no lugar do expulso Cicinho. O meia Iranildo fora de forma deverá ser ausência na equipe, mas pode entrar no segundo tempo. O Brasiliense deve entrar em campo hoje à noite com a seguinte formação: Gilson; Patrick, Moacri, Mateus e William; Deda, Ferrugem, Ruy Cabeção e Fabiano Gadelha; Djavan e Acosta.

VAI LÁ E RESOLVE, ÉDERSON!
O técnico Heriberto da Cunha também realizou um treino fechado e no coletivo apenas um gol marcado pelo meia Elivelto na segunda etapa. Heriberto arma duas equipes para enfrentar o arquirrival hoje à noite, porém apesar das declarações à imprensa o competente comandante deve entrar com um esquema mais cauteloso no Serejão.

Uma entrada confirmada é a do volante Éderson entre os titulares. O jogador que foi o último a chegar foi muito elogiado pelo técnico Heriberto da Cunha e deve jogar ao lado de Éverton e Márcio Tinga ou Tallys. Camilo que teve atuação apagada na primeira partida deve deixar os titulares e Elivelto deverá ser o único meia de ligação hoje. O atacante Anderson Barbosa ainda com problemas de documentação não jogará e o ataque deverá ser formado por Fábio Silva e a estrela solitária Bachin. O Gama deverá entrar em campo com a seguinte equipe: Fernando Vizotto; Alan, Da Silva, Pedrão e Cláudio; Éverton, Márcio Tinga (Tallys), Éderson e Elivelto; Bachin e Fábio Silva.

TORCIDA NÃO SE EMPOLGA
Apesar das declarações dos jogadores e do técnico Heriberto da Cunha de que uma vitória sobre o maior rival dará moral ao grupo, a torcida não pensa da mesma forma. Para eles, pelo que o Gama jogou diante do Ceilandense dificilmente o alviverde retornará com os três pontos para casa.

O retrospecto dos jogos realizados no Serejão também não são nada animadores. Para se ter uma idéia, a última vez que o Gama venceu o Brasiliense em seu estádio foi em 2008 ainda pelo Campeonato Candango. De lá pra cá só derrotas e empates.

Confira o vídeo do Serginho feito na época. Foi a última alegria que a torcida do Gama teve no estádio Serejão.


Pesquisar este blog